segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Social ou não, Eis a questão.

Ser social pra mim é difícil, sabe?
Estar presente, sorrir pra todos, falar com todos...
Não é pra mim
Eu tento, mas não consigo!
Ser um ser social pra mim significa:
......*fazer de conta que não viu ou ouviu;
......*fingir que gosta;
......*fingir que agüenta;
......*massagear o ego dos outros
ou seja: fingir, fingir e fingir!
Não sou uma pessoa falsa,
não consigo fingir...
sou verdadeira e transparente, se não gosto, logo os outros percebem.
E esse negócio de massagear o ego dos outros!
Meu, isso não dá pra mim!
se não gosto de alguém, ignoro, passo reto, ou tento ser o mais displicente o possível...
Não sei onde foi que aprendi isso, sinceramente eu não sei!
deve ser do signo! isso, é signo!
ou então pode até ser culpa da criação, isso mesmo minha mãe é quem é culpada!
ou pode ser também que eu só devolva o que recebo, ÉÉÉ!!! isso sim é que é a real, os outros é que são os culpados por eu ser assim!!
ou talvez até seja culpa de todos os fatores acima indicados...
isso mesmo! a culpa é de todo mundo... menos minha!

Não pessoas, eu NÃO sou uma pessoa calada nem reclusa do mundo.
Sou falante ao extremo, tenho meus amigos e conheço mais gente do que vereador municipal, eu AMO falar (juro), mas pra me fazer falar, tem que ser foda.
E se por acaso você aí do outro lado dessa tela resolver bater um lero comigo e se sentir assim... um pouco... ahnnn... falando sozinha (o); é porque não tá agradando... Aí você muda de assunto pra ver se resolve, tá?
E se persistirem os sintomas de anti-socialidade (??) em mim, você:
Olha pra parede e fala com a minha mão, que meu dedo te responde...
rsrsrsrs...

Desculpem-me... é que uma síndrome de anti-socialidade (?­_?) me invadiu profundamente.
sorrows, sorrows...

olha os efeitos colaterais de gostar de você aí, vidu...
tudo isso é culpa sua! só sua!
(momento bota a culpa em my love *on*)
ninguém mandou não estar aki...
tá bom, parei. não vou culpar mais ninguém
(prometo que vou tentar)

Agora me dêem licença que eu vou alí e já volto...
laráriii-lárárááá...


ps. Tenho escrito compulsivamente esses dias, não tô dando conta de tantas idéias que vêm surgindo na minha cabeça... é papel que não acaba mais... o foda é lembrar onde guardo os papeis, pois minha memória continua igualzinha de 5 segundo atrás... ixi... já esqueci!

2 comentários:

» NaY « disse...

Não acho que você ser social seja necessariamente ser falso, fingidor... Não é preciso concordar com todos os outros, ou massagear o ego... Ser social é saber respeitar e aceitar o outro, tal qual ele é! Nem se obrigando a ser como ele queira, nem obrigando-o a ser como você quer! =)

Ahh, só por curiosidade, qual teu signo?!
rsrs

Xerus
=***

Sempre que der voltarei por aqui!

*sonhador* disse...

Iai ViVi! Esta muito +-, é tanta bronca, que o coração chega fica apertado... estou meio sem rumo, ta ligada??! Não estou conseguindo me concentrar os meus objetivos. Ta tudo muito vago! Não estou com saco de fazer nada, absolutamente nada! Só passei por aqui, pois te considero, pra caramba. (E adoro os seus textos)... Vou tentar postar alguma coisa em breve. Pra ver se eu acordo ou durmo de vez.

Minha irmã... você não é anti-social não!!! Vc é Ignorante... AEkekakeKkAKek! Por exemplo, se vc não gosta de uma pessoa e trabalha no mesmo ambiente que a "coitada". Pense numa bagaceira. Ser educado, não necessariamente siguinifica ser falso. Não é?? Mais claro que varia de acordo com as pessoas... no meu caso mesmo, sou daquele tpo vereador, saiu falando com todo mundo! aekkaekaekakek... (Um dia vou ser vereador). E realmente às vezes me sinto falso! (Que merda)... Enfim, deve ser culpa de todos mesmo! Já to arretado e digitando nada com nada... kkkkkkkkkkkkk!

Ps¹. Valeu ai pela "preocupação"?

Abração, viu???!