quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Missing...

Tô ficando confusa, acho que perdi meu mundo novamente e não sei o que fazer;
Por mais que eu tente, estou conseguindo; vou tentando marchar... seguindo o ritmo das fúnebres canções que me envolvem lentamente, transformando-me assim, zumbi, escrava de meu próprio ressentimento e do meu próprio coração.
Observo minha mente obscura que outrora foi alegre e cheia de cor...
Tenho que marchar... preciso continuar marchando... tenho que encontrar uma luz que me impeça de ser refém de mim mesma... tô tentando... tentando... é assim que vou conseguir...
Minha própria cabeça me diz no quanto sou tola em me importar com coisas que não fazem sentido, mas não consigo ignorar nada que acontece a minha volta...
Quero de volta sorrisos e afagos, quero de volta lembranças e saudades de um tempo que foi bom;
Quero de volta as páginas de alegria que antes eu escrevia;
Quero de volta o meu amor próprio, o sentimento narcisista que havia em mim...
Quero sorrir novamente sem culpa, sem medo de ser eu mesma,sem medo de ser feliz...

3 comentários:

*sonhador* disse...

Oi ViVi!
Você não quer se tornar Gótica não é? =D
Então, como mudar esta situação? Já sei! Vai pra uns shows de forró, pagode, samba...
Ai você melhora!!! Kkkkkkkkk (Brincadeira!)
Mais então... a Srtª esta em busca da felicidade? Acho que todos nós estamos não é? Na maioria das vezes colamos o peso da nossa felicidade no ombro alheio (certo, talvez não seja este o seu caso!) aonde quero chegar com isso? Que a felicidade esta dentro de cada um de nós! Só precisamos catucar um pouquinho que ela surge!

Então ViVi...

Beijão... e FELICIDADES!

Vinícius Aguiar disse...

Um conselho? Olhe para dentro de vc... é sempre a melhor saída!

Beijos!

Tatah Marley's Confissões disse...

a felicidade quem faz é a gnt flor.
:)