sábado, 13 de agosto de 2011

E num dia solitário ela...


Pega o celular.
Procura o nome dele na agenda só pra ganhar tempo, afinal ela conhece akele numero de cor.
Procura. procura...
Pensa que antigamente, num tempo não distante, Ela teria o encontrado nos numeros mais discados do seu celular.
Letra "R". encontra. Aperta o verde.
Aparece a fotinho dele no visor.
Ao ver aquela foto imponente, cheia de segredos, de olhares e histórias.
Ela sentiu medo.
Primeiro toque. tremor.
Segundo toque. Aperta o vermelho.
Desiste.
E por entre lágrimas percebe que masoquismo é apenas para os fortes...

Um comentário:

DUAS AMIGAS E SEUS CONTOS DIÁRIO disse...

é masoquismo é ms para os fortes!!